Lançamento do Ballet Paraisópolis

Lançamento do Ballet Paraisópolis


PROJETO BALLET PARAISÓPOLIS IRÁ ENSINAR DANÇA PARA 100 CRIANÇAS DA COMUNIDADE

Resultado da parceria entre a União dos Moradores e do Comércio de Paraisópolis, a bailarina e professora Monica Tarragó e a operadora móvel TIM, curso de balé clássico totalmente gratuito será lançado oficialmente neste sábado (23/06); Objetivo é estimular o aprendizado, disciplina, postura e coordenação motora de crianças entre 9 e 12 anos da segunda maior favela de São Paulo
Cem crianças na faixa etária de 9 a 12 anos, moradoras de Paraisópolis, aprenderão balé clássico na própria comunidade. O projeto de ensino de dança, totalmente gratuito, é resultado da parceria entre a União dos Moradores e do Comércio de Paraisópolis (UMCP), a bailarina Monica Tarragó e a operadora móvel TIM e dará a oportunidade para que meninos e meninas da segunda maior favela de São Paulo participem de aulas bisemanais, com duração de 1 hora cada.
“O balé é um grande fator de transformação na vida dos alunos, que aprederão aspectos que estrapolam meramente a dança, estimulando o desenvolvimento da disciplina, postura, educação, pontualidade e coordenação motora. Estaremos, desta maneira, apoiando a preparação destas crianças para a vida como um todo”, destaca Monica Tarragó, professora e diretora do Projeto Ballet Paraisópolis.
Idealizadora do projeto, Monica, que estudou e atuou em países como Rússia, Estados Unidos e Itália – onde fez parte do corpo de dança do teatro Nuovo e foi agraciada com o prêmio do festival internacional Vignale Danza -, ressalta ainda que o ensino de balé clássico é valioso tanto para as meninas quanto para os meninos. “A arte do balé clássico envolve uma amplitude de aspectos relacionados ao desenvolvimento físico e psicológico dos jovens. Por isso, friso a importância de sempre estimularmos a participação de crianças de ambos os sexos no aprendizado da dança, atividade esta que exerce um papel fundamental no desenvolvimento pedagógico, visto que abrange questões como saúde, cultura e educação”.
Para participar das aulas do Projeto Ballet Paraisópolis, é necessário apresentar comprovante de residência, atestando que a criança é moradora da comunidade, e declaração de matrícula no ensino regular, além da assinatura do termo de compromisso de assiduidade assinado pelos pais, garantindo que a criança não ultrapassará o limite de 12 faltas ao longo do ano de curso. Ao todo, serão abertas cinco turmas, que contarão com um máximo de 20 alunos por grupo.
“Essa é mais uma porta que abrimos para garantir um futuro melhor às nossas crianças. O Projeto Ballet Paraisópolis possui um caráter educador, pois além de aprender a dançar, elas são estimuladas a cuidar da higiene pessoal, desenvolver hábitos alimentares saudáveis, respeitar o próximo e a se comportar em situações diversas do dia-a-dia”, comenta Gilson Rodrigues, líder comunitário de Paraisópolis e um dos apoiadores do projeto.
Para atender às 100 crianças da comunidade, uma sala dentro da UMCP foi totalmente equipada com espelhos nas paredes, barras de madeiras nas laterais e tapete de linóleo. Além disso, serão entregues a todos os matriculados, sem qualquer custo, um kit com quatro jogos de uniforme para uso nas aulas. Todo o material e aulas serão custeados pela TIM. “A gente acredita no potencial de Paraisópolis. Por isso, além do investimento comercial – que inclui abertura de pontos de vendas e comercialização de chips e recargas -, a TIM apóia as iniciativas sociais e culturais, que visam o desenvolvimento dos jovens da comunidade”, revela Érika Cascão, Diretora de Vendas Consumer da TIM São Paulo.
Este é o terceiro projeto social apoiado pela operadora em Paraisópolis. Em março deste ano, a TIM deu o “ponta-pé” inicial no projeto “Um Passe para a Educação” – uma escola de futebol, destinada a formação e identificação de atletas da comunidade. Em 2011, a TIM levou a XVIII edição do Panorama Percussivo Mundial (PercPan) à comunidade, com a realização de oficinas, reunindo os artistas com moradores de Paraísópolis.
O lançamento do Projeto Ballet Paraisópolis acontece neste sábado (23/06), a partir das 10 horas, na sede da UMCP – Rua Ernest Renan, 1366.

Joildo Santos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.