Governo de SP entregou 56 apartamentos do CDHU em Paraisópolis

Conjunto na Vila Andrade beneficiará moradores de Paraisópolis

Foto: PMSP

Com 43,68m² de área privativa, os apartamentos têm dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. As unidades contam com piso cerâmico em todos os cômodos, azulejos no banheiro e nas paredes hidráulicas da cozinha e área de serviço, revestimento em gesso nas paredes e teto, e esquadrias de alumínio. No conjunto, há centro de apoio ao condomínio, portaria, estacionamento, além de medição individualizada e gás encanado. O investimento na construção deste empreendimento foi de R$ 4,1 milhões.
O Conjunto Residencial da Vila Andrade integra o Projeto de Urbanização do Complexo de Paraisópolis, ação integrada dos governos federal, estadual e municipal, para melhorar as condições urbanas e socioambientais da região. A ação abrange sete núcleos de favelas, onde vivem cerca de 20 mil famílias, aproximadamente 80 mil pessoas.
“Aquelas famílias que antes estavam em área de risco, agora saem definitivamente da área de risco. Essa obra permite a urbanização do bairro e, por outro lado, as famílias passam a ter uma moradia segura e nova”, afirmou Alckmin.
Ao todo, a CDHU irá construir 1.416 moradias para apoiar a intervenção executada pela prefeitura. Além do Residencial Vila Andrade, construído dentro da área de intervenção, mais 430 famílias já foram beneficiadas com moradias no bairro do Campo Limpo.
Publicado no SP Notícias do Governo do Estado de SP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

https://layar.iium.edu.my/wp-content/uploads/